segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

Bendita briga

Ficou para fevereiro a decisão da Câmara dos Deputados sobre o aumento do número de vereadores. Aconteceu exatamente como os opositores da brincadeira sem graça desejavam. O assunto, que foi parar no Supremo Tribunal Federal (STF) por conta de um mandado de segurança ingressado pelo Senado para garantir a aprovação pela Câmara, deverá ser congelado até fevereiro, já que o Congresso agora entra em recesso.
Chama atenção dois fatores: o primeiro é que o legislativo, que vive reclamando de intromissão do Judiciário, quando vê a coisa complicada, recorre justamente a ele. O segundo é essa briga entre as duas casas legislativas federais. Neste caso, o desentendimento está fazendo bem para a maioria.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leg